24 de jun de 2012

No linguajar do futebol "foi um passeio"

Vitória de 2 a 0 sobre o Sport na Ilha do Retiro foi excelente para as pretensões do INTER de fazer campanha de campeão e se manter na disputa pelo título.

Completamente diferente do jogo contra o Botafogo, hoje o COLORADO taticamente foi perfeito com troca de passes, passagem dos laterais, controle de jogo e principalmente jogou com sabedoria. No linguajar do futebol "foi um passeio" do INTER

Guiñazu e Kleber na minha análise foram os melhores do INTER no jogo. 

Guina pelo que correu não resta nenhuma dúvida que tomou "gasolina"  no lugar do "isotônico" antes do jogo.

No momento em 6 jogos (18 pontos) conquistamos 11 pontos (61%). Aproveitamento que considero bom analisando os adversários e condições nas quais enfrentamos Flamengo e Fluminense no RJ com times completamente descaracterizados.

O preço da derrota para o Botafogo é a diferença de pontos do atual líder Cruzeiro de Celso Juarez Mazembe Roth.

Próximo adversário será o Bahia de Paulo Roberto Falcão que considero como o melhor (não o maior) jogador da história do INTERNACIONAL.

O assunto polêmico do momento é a interdição do GIGANTE. A decisão foi de total prudência, segurança e risco zero. O assunto é polêmico, e muito. Eu particularmente entendo a decisão (cueca de ferro) do Juiz.

O que espero é que todo Sócio COLORADO mantenha sua condição de associado e sua mensalidade em dia, independente do INTER obter a reversão da interdição do GIGANTE. A receita das mensalidades é fundamental para que o clube se mantenha na condição de "time de ponta".

Se o INTER obter a reversão da interdição eu vou continuar freqüentando o GIGANTE nos dias de jogo do COLORADO.

Um grande e forte abraço.

16 de jun de 2012

Derrota com atuação bizarra de DJR e jogadores.

Com atuação digna de vergonha o COLORADO tomou um passeio do médio Botafogo e perdeu de virada em pleno GIGANTE pelo placar de 1 a 2.

O INTER foi abaixo de todas as críticas possíveis e imaginárias. O gol de Dagoberto nasceu de um passe "sem querer" de Damião.

Nada funcionou no time do INTER. O sistema coletivo foi um fracasso e as atuações individuais de TODOS os jogadores em campo foi bizarra. A quantidade de passes errados foi constrangedora.

A grande maioria da torcida não quer a permanência de DJR no comando do COLORADO e o treinador vem colaborando para isso.

Ao INTER parece também faltar condicionamento físico adequado e quem acompanhou o jogo ficou com a verdade que o Bofafogo correu no mínimo 2x mais que o COLORADO.

Para não restar qualquer dúvida do péssimo desempenho do INTER o melhor jogador em campo foi Andrezinho que conseguiu finalmente marcar seu primeiro gol com a camisa do Botafogo.



A derrota de hoje derrubou com os bons empates obtidos no RJ. A derrota de hoje comprometeu o desempenho superior da campanha de 2012 em comparação a 2011 (ano passado vencemos os 2 jogos contra o Botafogo). A derrota de hoje compromete um time que pretende fazer campanha de campeão.

A derrota de hoje obriga o COLORADO a vencer seus dois próximos confrontos (Sport Recife e Bahia) em jogos longe do GIGANTE para que volte a buscar e obter campanha de time campeão.

Indignado com a derrota e consequentemente com DJR e jogadores.

Um grande e forte abraço.

11 de jun de 2012

Empate no RJ contra o Fluminense é 1 ponto ganho e não 2 perdidos.


Considerando a quantidade de desfalques (D´Alessandro, Oscar, Damião, Dátalo, Guinazu e Kleber) e que jogou praticamente os 90 minutos com dois jogadores a menos (Anão e Gilberto) o COLORADO obteve no RJ contra o Fluminense de Abel Braga, Deco e Fred o melhor resultado “possível”, empate sem gols.

Não entendo como existem cronistas esportivos e que recebem R$ para emitir opinião e que após o final do jogo usam o microfone das rádios para criticar que faltou ao INTERNACIONAL vontade de vencer no RJ.  O COLORADO não venceu porque não foi possível. Não foi falta de vontade e sim falta de qualidade técnica principalmente na parte ofensiva.

E considero que DJR merece elogios por este empate. Pensou o jogo dentro das possibilidades e conquistou mais um importante ponto no RJ.

Mesmo com toda a ruindade do Anão e Gilberto também entendo não ser prudente a utilização desde o início de Fred e Maurídes. Em um time completamente descaracterizado não é recomendável a utilização de jovens com alguma possibilidade de futuro promissor.

Os destaques individuais do COLORADO foram todos do sistema defensivo, Muriel, Modelo, Velho Índio e Elton (este último somente na parte defensiva já que sua participação na parte ofensiva é nota abaixo de zero).


O fundamental em campeonato de pontos corridos é sempre somar pontos, principalmente em jogos longe do GIGANTE contra adversários fortes e diretos.

Em 2011 contra os mesmo times e nos jogos com os mesmos mando de campo conquistamos apenas 1 pontos (empate com o Coritiba e derrota nas outras 3 partidas). Em 2012 conquistamos 8 pontos.

Próximo adversário é o Botafogo no GIGANTE.

Um grande e forte abraço.

7 de jun de 2012

Vitória pelo placar simples contra o outro filho tricolor

Em noite fria, muita fria, pelo placar mais simples e magro dos possíveis no futebol, o INTER venceu seu outro filho Tricolor pelo placar de 1 x 0.

Mesmo com os desfalques de ambos os lados (jogadores cedidos para a seleção nacional) foi um bom jogo de futebol. A vitória COLORADA foi conquistada pelo diferencial D'Alessandro. 


O INTER teve algumas boas oportunidades de fazer mais gols e as melhores foram desperdiçadas por Dagoberto e Marcos Aurélio.

O sistema defensivo COLORADO continua perdendo bolas áreas. Neste jogo o adversário em duas oportunidades quase fez seu gol. Ambas oportunidades foram para fora da goleira.

Muriel no início do jogo, fez sua única e grande defesa no jogo. Verdade também que este lance de perigo  teve início em uma reposição de bola errada pelo próprio goleiro.

Sandro Silva voltando de lesão teve um início ruim errando alguns passes e que no decorrer do jogo se recuperou. 

Junto com D'Alessandro os destaques da vitória foram: Dagoberto e Dátalo.

O sistema coletivo proposto pelo treinador COLORADO foi o vencedor do duelo. Parabéns par DJR. 

Ontem mais uma vez a comprovação que não temos substituto para Damião quando este estiver a serviço da Seleção Brasileira ou se for vendido na famosa janela.

A boa notícia é que o Luciano Davi (Gestor responsável pelo Futebol) confirmou na entrevista coletiva que o INTER vai as compras. Acredito que é consenso que devemos contratar lateral direito, zagueiro e centroavante.

Na competição do ano passado com campanha razoável o COLORADO conquistou uma das vagas a Libertadores. Para disputar o título com condições ser o campeão é necessário fazer campanha superior ao ano passado, e o início do INTER na competição deste ano é animadora, vejamos:

1) Coritiba - em 2011 em 2 jogos conquistamos 2 pontos. Em 2012 com 1 jogo 3 pontos.

2) Flamengo - em 2011 em 2 jogos conquistamos a 1 ponto. Em 2012 com 1 jogo 1 ponto.

3) São Paulo - em 2011 em 2 jogos conquistamos 1 pontos. Em 2012 com 1 jogo 3 pontos.  

Próximo adversário é bom Fluminense de Abel Braga no Rio de Janeiro.

Um grande e forte abraço.