20 de mai de 2012

Campeão precisa ter lógica, coerência e sabedoria.

Que o INTER transforme o campeonato brasileiro de 2012 numa obsessão. Que use a lógica, a coerência e principalmente a sabedoria para alcançar este objetivo.

Com 70% de aproveitamento é possível afirmar que o time será campeão com algumas rodadas de antecedência. Com 65% de aproveitamento provavelmente também será campeão na última ou penúltima rodada do campeonato.

São 38 rodadas, 114 pontos, 19 partidas no GIGANTE e 19 partidas nos estádios dos adversários.

65% de aproveitamento são 74 pontos ou 25 vitórias em 38 partidas disputas. Há outras possibilidades de chegar a este percentual com menos vitórias, mais empates e menos derrotas.

E contra adversários considerados inferiores e principalmente no GIGANTE a vitória será sempre uma obrigação.

Na era dos pontos corridos o desempenho dos campeões foram:
- 2003 o Cruzeiro com 72,46%
- 2004 o Santos com 64,49% (último colocado foi o Porto Alegrense)
- 2005 o Corinthians/CBF com 64,29%
- 2006 o São Paulo com 68,42%
- 2007 o São Paulo com 67,54%
- 2008 o São Paulo com 65,69%
- 2009 o Flamengo com 58,77%
- 2010 o Fluminense com 62,28%
- 2011 o Corinthians com 62,28%

Considerando os times que são apenas coadjuvantes no campeonato que são: Atlético-MG; Atlético-GO; Bahia; Botafogo; Coritiba; Figueirense; Náutico; Ponte Preta; Portuguesa e Sport. 

São 10 equipes coadjuvantes, serão 20 jogos. Nestes confrontos é que me refiro que a lógica, coerência e sabedoria são fundamentais, e quem conquistar a maior quantidade de vitórias contra estes adversários será o campeão de 2012.

No jogo de estréia contra o Coritiba no GIGANTE a vitória é fundamental para que o objetivo da obsessão se torne numa possibilidade e não em sonho.


A coerência e sabedoria começa pelo treinador, principalmente no momento da formação do time considerando sempre os atletas disponíveis para o jogo. Escolher Elton em detrimento de Bolatti é uma decisão de "falta de sabedoria". 

Um grande e forte abraço.

0 comentários:

Postar um comentário